top of page

Crescimento da Franquia: qual é o papel da franqueadora?


O modelo de franquia tornou possível que muitos brasileiros realizem o sonho de empreender, tendo em vista o suporte e a segurança que costumam receber através desse tipo de negócio.


Mas você sabe qual é o papel da franqueadora no crescimento da franquia? Confira a seguir!


. . .


As franquias surgem a partir de uma estratégia de expansão de negócios. Geralmente, quando empresas bem-sucedidas e estabelecidas em seus mercados buscam expandir sua presença de forma mais rápida e eficiente do que seria com operações próprias.


E isso ocorre através do auxílio de empreendedores locais que estão motivados a seguir os padrões estabelecidos para alcançar o sucesso em seus próprios negócios.


APOIO AOS NEGÓCIOS

É papel da franqueadora fornecer suporte e orientação aos franqueados para garantir a padronização e o sucesso das unidades franqueadas. Isso inclui fornecer treinamentos, manuais operacionais, marketing, assistência na escolha do local, negociação com fornecedores, suporte técnico, entre outros serviços para auxiliar os franqueados a administrarem seus negócios de forma eficiente e alinhada com a marca da franquia.


TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO CONSTANTE

Esse item é crucial para garantir a harmonia e uniformidade da administração e também para alcançar bons resultados financeiros no negócio. Uma boa franqueadora deve compartilhar diversas metodologias e ferramentas de gestão com seus franqueados, além de promover ações de capacitação.


SUPORTE AO FRANQUEADO

O suporte da franqueadora é essencial para o sucesso dos franqueados. Ele pode incluir:


1. Treinamento: a franqueadora oferece treinamento inicial e contínuo para os franqueados e suas equipes, garantindo que todos estejam familiarizados com os padrões e processos da franquia.


2. Manuais Operacionais: a franqueadora disponibiliza manuais detalhados que orientam os franqueados sobre como administrar o negócio de acordo com os padrões da marca.


3. Marketing e Publicidade: a franqueadora muitas vezes cuida das estratégias de marketing em nível nacional ou regional, ajudando a promover a marca e atrair clientes.


4. Pesquisa e Desenvolvimento: a franqueadora pode realizar pesquisas de mercado e desenvolver novos produtos ou serviços para manter a marca competitiva.


5. Suporte Financeiro: alguns sistemas de franquias oferecem suporte financeiro, como auxílio na obtenção de empréstimos ou financiamento para a abertura da franquia.


6. Negociação com Fornecedores: a franqueadora pode negociar com fornecedores em nome dos franqueados para obter condições comerciais vantajosas.


7. Suporte Tecnológico: a franqueadora pode fornecer sistemas e tecnologias para otimizar a operação do negócio.


8. Monitoramento e Avaliação: A franqueadora geralmente monitora o desempenho das unidades franqueadas e fornece feedback e orientações para melhorias.


Em geral, o suporte da franqueadora visa garantir a consistência da marca, o sucesso das unidades franqueadas e fortalecer a rede como um todo.

Temos orgulho em dizer que a Fini tem dado exemplo quando o assunto é suporte aos franqueados, o que pode ser observado nos inúmeros cases de sucesso por todo o país.


Atualmente, já contamos com mais de 220 franquias espalhadas pelo Brasil e esse número não para de crescer.


Já conhece nosso modelo de franquias? Acesse o link abaixo e saiba mais!

99 visualizações0 comentário
bottom of page