top of page

InFINItas Ideias #11 – Confira como foi a conversa com a Carolina Dostal, especialista LinkedIn e palestrante


Em fevereiro, foi ao ar o décimo primeiro episódio do InFINItas Ideias, e a conversa da vez foi com Carolina Dostal, palestrante, coautora do livro "Uma Sobe e Puxa a Outra - Volume 2" e especialista em LinkedIn.  

A seguir, confira um resumo do que rolou por lá! INCOMPETÊNCIA DIGITAL

A conversa teve início com a host pedindo a Carolina que explicasse o conceito de "incompetência digital". A convidada destacou que isso não está relacionado à falta de habilidades, mas sim à falta de oportunidade e familiaridade com ferramentas digitais, algo presente, inclusive, em diferentes pessoas e gerações.   

Para Carolina, a forma como as pessoas se envolvem e priorizam o digital pode fazer toda a diferença no processo de aprendizado. SOBRE LÍDERES INSPIRADORES 

Falando sobre líderes inspiradores, Carolina compartilhou sua visão sobre as características essenciais que os compõem.  

Para ela, um líder inspirador é autêntico e aporta valor, tornando-se, por consequência, referência em sua área de atuação.  

COMPORTAMENTO NAS REDES E LEGADO DIGITAL  

Como seu trabalho consiste em ajudar líderes e profissionais a utilizarem o LinkedIn de maneira adequada, Carolina comenta como o comportamento nas redes sociais influencia na maneira como são percebidos e no histórico que é deixado para trás.  

Daí surge o conceito de "legado digital", que deve ser levado em consideração principalmente por profissionais que têm a responsabilidade de representar uma marca. POLARIZAÇÃO NAS REDES E POSICIONAMENTO DAS MARCAS  

Carolina também contou sobre uma situação que ocorreu após sua ida a Brasília para o lançamento do "Uma Sobe e Puxa a Outra - Volume 2", livro no qual ela colaborou. Lá, ela se encontrou e conheceu figuras políticas de todos os campos e espectros, e isso foi o suficiente para que algumas pessoas fizessem pré-julgamentos e a deixassem de seguir.

Aproveitando a oportunidade, ela traçou um paralelo sobre como esse tipo de comportamento também tem afetado as marcas que se posicionam nas redes sociais, discutindo os efeitos disso. 

“Você vai perder uma parte, mas vai ganhar outra. (...) É preciso saber como é a sua cultura e quais são os seus valores.”     

ACCOUNTABILITY (OU A RESPONSABILIDADE PELOS SEUS ATOS)

Falando em comportamento digital e busca de emprego, Carolina destacou o conceito de “accountability” que, em um contexto organizacional, nada mais é do que a responsabilização pelos seus atos.

Ela ressaltou a responsabilidade que cada indivíduo possui na construção e preservação de sua carreira e imagem, bem como no legado digital que deixou até o momento. Todos esses aspectos devem ser considerados ao procurar por novas oportunidades de emprego em plataformas como o LinkedIn, por exemplo.

O QUE FAZER E O QUE NÃO FAZER NO LINKEDIN

Ainda sobre LinkedIn, Carolina destacou o que fazer e não fazer na plataforma, enfatizando que a construção de um perfil 100% alinhado aos seus objetivos é crucial para uma boa performance. Para essa construção, ela ressalta que todos devem se fazer três perguntas:  

  1. Quem eu sou? 

  1. O que eu faço? 

  1. Como posso ajudar?  

Baseando-se nessas três perguntas, ela enfatiza que é possível realizar qualquer coisa na plataforma.

Além disso, manter-se engajado no perfil e evitar se envolver em debates controversos também pode ser altamente proveitoso para a sua reputação.   

Carolina também destacou que não se deve inserir "estou procurando emprego" no título ou no nome, pois isso prejudica o algoritmo e afeta negativamente a busca por oportunidades. GESTÃO HUMANIZADA X TECNOLOGIA  

Quando o tema tecnologia e sua contribuição para uma gestão mais humanizada foram abordados, Carolina compartilhou sua perspectiva sobre o assunto e forneceu exemplos de como a Inteligência Artificial pode e tem contribuído para a execução de tarefas. 

Por outro lado, para ela esse facilitador também pode acarretar outros problemas que se manifestam ao longo do tempo, como temos visto com cada nova tecnologia introduzida desde a Revolução Industrial.

TRABALHAR AJUDANDO OS OUTROS

No bloco final, Carolina refletiu sobre sua jornada profissional e a motivação que a impulsionou a seguir seu atual caminho: a paixão por ajudar os outros. Com sua vasta experiência, tem sido exatamente isso que ela tem realizado desde então.

*** 

Confira o episódio na íntegra: 

25 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page